Conheça as características do vírus que provoca a doença pelo novo Coronavírus (COVID-19)

 

O novo coronavírus, intitulado COVID-19, foi identificado pela primeira vez em dezembro de 2019, na China, na Cidade de Wuhan. Este novo agente nunca tinha sido previamente identificado em seres humanos, tendo causado um surto na cidade de Wuhan. A fonte da infeção é ainda desconhecida.

Os Coronavírus são uma família de vírus conhecidos por causar doença no ser  humano. A infeção pode ser semelhante a uma gripe comum ou apresentar-se como  doença mais grave, como pneumonia.

Ainda está em investigação a via de transmissão. A transmissão pessoa a pessoa foi  confirmada, embora não se conheçam ainda mais pormenores.

i025924

i025923

A equipa PES

Dia Mundial do Doente

Dia-Mundial-do-Doente-Corte

Esta data foi instituída no dia 11 de fevereiro de 1992, pelo Papa João Paulo II. Em Portugal o dia é comemorado pela celebração de cerimónias católicas e de ações que visam sensibilizar a sociedade civil para a necessidade de apoiar e ajudar todas as pessoas doentes.

Este ano, para assinalar a data, a equipa PES relembra a importância do doente, deixando uma mensagem de esperança para todos os que lutam contra alguma doença, seus cuidadores e equipas médicas.

A equipa PES

O novo coronavírus detetado na China

 

1800x1200_coronavirus_1

2019-nCoV é o nome dado a um novo coronavírus que causa doença respiratória potencialmente grave, como a pneumonia. Este vírus foi identificado pela primeira vez em humanos na cidade chinesa de Wuhan, província de Hubei, tendo sido confirmados casos em outros países.

Os coronavírus são um grupo de vírus que podem causar infeções nas pessoas. Normalmente estas infeções estão associadas ao sistema respiratório, podendo ser parecidas a uma gripe comum ou evoluir para uma doença mais grave, como pneumonia.

Os coronavírus são um grupo de vírus conhecidos por causar doença no ser humano. A infeção pode ser semelhante a uma gripe comum ou apresentar-se como doença mais grave, como pneumonia

Segundo os dados publicados, no final do mês de dezembro de 2019 a Organização Mundial da Saúde foi alertada sobre vários casos de pneumonia na cidade de Wuhan, na China. Alguns dias depois, a 7 de janeiro de 2020, as autoridades chinesas confirmaram a existência de um novo coronavírus (2019-nCoV) na mesma cidade.

 

A equipa PES

O Dia Mundial de Luta Contra o Cancro

Este dia celebra-se anualmente no dia 4 de Fevereiro e tem como objectivo desmistificar algumas das ideias pré-concebidas sobre o cancro e informar sobre os factos reais da doença.

A celebração deste dia baseia-se na Carta de Paris, aprovada em 4 de fevereiro de 2000, na Cimeira Mundial Contra o Cancro para o Novo Milénio. A Carta apela à aliança entre investigadores, profissionais de saúde, doentes, governos e parceiros da indústria no âmbito da prevenção e do tratamento do cancro.

World-Cancer-Day-700-FIOpt-700x400

Cancro em Portugal

Em Portugal morrem 70 pessoas por dia com cancro, o que significa que, a cada hora que passa, 3 pessoas morrem vítimas da doença. No total, por ano são registados 25.000 óbitos.

Os cancros mais fatais são os do cólon, reto e ânus, assim como os cancros da laringe, brônquios, pulmão e estômago.

Dados sobre o cancro

O cancro é uma das principais causas de morte no mundo. Todos os anos, cerca de 8 milhões de pessoas morrem vítimas de cancro.

O cancro contabiliza mundialmente mais mortes que VIH/SIDA, tuberculose e malária juntos. Das 7,6 milhões de mortes por cancro no mundo em 2008, mais de 55% ocorreram em regiões menos desenvolvidas. Em 2030, estima-se que de 60 a 70% dos 21,4 milhões de novos casos de cancro ocorrerão nos países em desenvolvimento.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, cerca de 40% de todos os cancros podem ser prevenidos e outros podem ser detetados numa fase precoce do seu desenvolvimento, tratados e curados.

Estima-se que o número de casos de cancro e mortes relacionadas a nível mundial venha a duplicar nos próximos 20 a 40 anos, especialmente nos países em desenvolvimento.

A equipa PES

Dia Internacional do Homem

O Dia Internacional do Homem é celebrado desde 1999. A iniciativa começou em Trinidad e Tobago, sendo despoletada por um único homem, o Dr. Jerome Teelucksingh, apoiada pela ONU e por vários grupos de defesa dos direitos masculinos da Europa, América do Norte, África e Ásia.

Portugal é um dos mais de 70 países que aderem anualmente à celebração deste dia.

1

A mensagem do Dia Internacional do Homem é a promoção de modelos masculinos positivos do dia a dia, com vidas decentes e honestas. Os grandes objetivos desta data passam por celebrar as contribuições masculinas positivas para a sociedade, por promover a saúde masculina, por melhorar as relações entre géneros e por combater o sexismo.

O Dia Internacional do Homem visa a consciencialização da saúde masculina e a promoção da igualdade entre sexos.

Equipa PES